Créditos de carbono: a moeda de troca do mercado de carbono

Atualizado: 25 de mar.

Um crédito de carbono representa uma tonelada de dióxido de carbono equivalente (tCO₂e) que não foi emitida na atmosfera.

Créditos de carbono são ativos financeiros gerados por projetos socioambientais. Permitem que organizações e indivíduos compensem as suas emissões de gases de efeito estufa (GEE) e financiem a transição para um futuro de baixo carbono.


Através de projetos que adotam medidas de redução de emissões de GEE na atmosfera, indivíduos e empresa geram créditos de carbono. Esses créditos podem ser comercializados, e vão ser adquiridos por quem não conseguiu reduzir as suas próprias emissões.


Com a compensação de emissões é possível tornar-se carbono neutro. Ser carbono neutro significa que todas as suas emissões foram compensadas, ou seja, neutralizadas.


O conceito de crédito de carbono foi instaurado no Protocolo de Quioto — acordo que estabeleceu diretrizes acerca de metas de redução nas emissões de gases de efeito estufa e instituiu mecanismos para que emissões reduzidas pudessem ser comercializadas no mercado.


Tipos de projetos socioambientais que geram créditos de carbono:


- Geração de energia renovável: projetos de geração de energia renovável de fontes hídrica, eólica e solar.


- Desmatamento Evitado: projetos de preservação de florestas, com alto impacto socioambiental, dentre eles, os famosos REDD+.


- Troca de combustíveis em pequenas empresas: projetos de substituição de lenha nativa, que antes era desmatada, por resíduos de biomassa renovável (casca de arroz, serragem, caroço de açaí) no processo produtivo de pequenas empresas familiares.


Com a Orma é muito fácil compensar as suas emissões. Nós oferecemos uma experiência customizada de compra de créditos de carbono. Você monta a sua própria cesta de créditos selecionando a quantidade e os tipos de projetos mais alinhados com a sua empresa. Nós cuidamos do resto.


Acesse www.ormacredits.com para saber mais.


#ormacredits #créditodecarbono #compensaçãodecarbono #carobononeutro #compensaçãodeemissões #GEE

30 visualizações0 comentário